Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O pior cego

Não, não quero ver, por isso fujo para mundos meus de leitura, filmes, series e agora também de escrita.

O pior cego

Não, não quero ver, por isso fujo para mundos meus de leitura, filmes, series e agora também de escrita.

24.Mar.17

8 Dias - Nerdfighter

     Nunca gostei muito de comunidades. De nenhum tipo. Nunca fiz parte de uma equipa de futebol nem da associação de estudantes. Nem sequer o meu grupo de amigos é aquele grupo rígido e imutável desde sempre. O pensamento de estar preso é insuportável para mim. Não que tenha problemas de compromisso, mas o pensamento de que tenho de ser alguém com certas características fixas, sejam elas pessoais ou profissionais, assusta-me. Gosto de pensar em mim como alguém que se adapta a cada situação e a ideia de uma comunidade faz-me sentir preso.

     É aí que entra a "nerdfighteria". Descobri a comunidade há pouco tempo e já sinto que faço um pouco parte dela. O que é? Ainda nem consegui perceber ao certo, mas talvez seja isso que faz dela algo diferente. A comunidade foi fundada à volta de um canal de youtube chamado vlogbrothers no qual cada um dos irmãos Hank e John Green (sim, John Green o escritor de A culpa é das estrelas, mas eu nunca li nenhum dos livros dele) publicam vídeos com menos de quatro minutos, dirigidos ao outro. A comunidade em si são as pessoas que acompanham os vídeos, as pessoas que comentam.

     O que me mais me fascinou foram os vídeos simples, de todos os géneros e a comunidade em si que é composta por pessoas normais, em vez dos habituais críticos que habitam nos comentários da internet. Mas, acima de tudo, o que me prendeu foram todos os vídeos que me fizeram pensar, todos os comentários e eventos que surgiram de algo tão simples. Foi isso que me fez pensar que posso realmente ser tudo aquilo que quiser e mudar.

DFTBA (Don't Forget To Be Awesome)

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.